terça-feira, 7 de outubro de 2014

50 tons de Azul...

E eu escolho o azul turquesa.
Sempre gostei deste azul e agora está na moda.
Que bom! Muito mais fácil de encontrar coisas bonitas por aí.
Na minha formatura usei um vestido desta cor, anos depois, quando minha little sister se casou e eu tive o prazer de ser sua madrinha, escolhi usar azul, mas apesar do combinado, outra madrinha comprou o vestido primeiro e eu não pude usar.
No mesmo ano, tive a honra de ser testemunha de outro casal. Escolhi azul novamente, e adivinha... Outra madrinha correu e comprou o vestido azul, apesar do combinado, rsrsr
Mas desta vez eu não quis saber, fui de azul e pronto.
E foi em um momento especial, pois estava esperando meu primeiro filho.


Agora, resolvi colocar um pouco deste azul na decoração da sala.

Os espelhos provençais, que tanto gosto, tranformei todos em azul turquesa.

E para não deixar de reciclar, um deles é aquele espelhinho da loja de R$1,00. Só pintei e coloquei alguns  detalhes para ficar no mesmo estilo.



Encontrei uma bandeja, pintei e mandei colocar espelho.
E ficou assim






















Bexos 
Ale

Antes e depois - Quintal

Eu sempre morei em casa, e qunado casei também. 
Mas depois de um tempo resolvemos mudar para um apartamento, já que não dá muito trabalho e eu e o husband trabalhávamos o dia todo e não ficávamos em casa no final de semana.
Tudo bem, até que depois de alguns anos tivemos nosso primeiro filho...
E mais alguns anos depois, veio a nossa filhota.
Desde então o apartamento virou o próprio "apertamento".
Não cabia mais nada e o único banheiro passou a ser disputadíssimo.

Então pensamos melhor e resolvemos que casa seria a solução.

O quintal era o meu sonho de consumo. Brincar, pular corda, fazer bagunça e ter plantinhas e florzinhas.

Que delícia!!!

Mas veja como era o quintal da casa:




Só faltou a músiquinha de terror pra completar algo tão sinistro!!

Mas com pouco din din, resolvi um pouco da situação. Claro que não deu pra trocar o piso ou fazer uma super pintura, mas deixa o piso pra lembrar do quintal da minha infância. Um pouco de nostalgia faz bem.



Mandei lavar com Vap todas as paredes, já que não dava pra pintar, e depois dei um toque de branco pra tampar o pior.
No buraco do porão, coloquei alguns tijolos pra evitar que venham habitar alguns animais indesejados, mas como usamos este espaço, só empilhei e coloquei uma super floreira, que com paciência, vai tapar toda a visão dos tijolos.

Pronto, um quintal mais agradável para as crianças se divertirem!!

Bexos
Ale

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Antes e depois - Banheiro

Pense em lugar esquisito, meio sinistro...
Pois este era o banheiro da casa.




Pra começar, duas portas (velhas e cheias de cupim), uma levava ao box e a outra para a pia.


Azuleijos... Bem, quase não tinha e foram pintados.


A pia, deve ter sido do D.PedroI.



Resumindo: HORRIVEL!
Mas nada que uma reforminha básica e uma pinturinha não resolva o nosso problema.

Chamamos um pedreiro para resolver o problema das portas e dos azuleijos.



Neste lugar, colocamos uma janela e uma porta sanfona



Mas quem passou massa e pintou, fui eu. Pena que não sei levantar parede, senão teria feito também. Estes pedreiros cobram uma fortuna e demoram muito pra fazer uma paredinha.
Pedi pra deixar os azuleijos somente no box, onde molha mais. 
Na região da pia, coloquei papel colante (aquele por quem me apaixonei ultimamente). Ia pintar, mas além de ser bem dificil pintar cor escura, ia sobrar muita tinta, então foi a melhor escolha.




Contei com a ajudinha de três homens pra instalar a pia e o armário  com o espelho

 E ficou assim...
Detalhe: A valvula do vaso sanitário era tão, tão antiga que não encontrei capa para ela, então improvisei. Encapei uma plaquinha de MDF com papel colante.
O mais bacana deste lugar era o piso, tem bolinhas de gude. E consegui encontrar uma cortina que pudesse combinar.



Bem, se você também gosta de inventar em casa, mostra aí né!!
Bexos
Ale

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Dicas: Gramado e Canela


Bem, minhas dicas são para quem viaja com crianças pequenas e Seniors (minha mãe fica super brava, rsrsrsr)
De Porto Alegre até Gramado são 3 horas de viagem. Existe outra rota, mas tem algum trecho de estrada de terra.

 

Chegamos e já era noite. Ficamos nesta pousada, que por sinal eu recomendo. Tudo novo e com pessoas muito atenciosas.
Fomos jantar em um resturante que servia vários tipos de sopas e saladas.



No dia seguinte, seguimos para Bento Gonçalves. Fica umas 2 horas de Gramado. A estrada é de serra com muitos caminhões.
Fizemos um passeio de Maria Fumaça.
Como o mês de julho é muito concorrido, comprei as passagens uma semana antes.
O passeio é muito divertido, com músicas italianas, algumas paradas e degustação de vinhos e sucos.



 Alice curtiu muito!!
O passeio de trem terminou bem na hora do almoço.
Fomos para o Vale dos Vinhedos. São viniculas que fazem vinhos e sucos. Alguns tem restaurantes e outros tem visitação e até aulas para apreciadores de vinho.



Almoçamos na vinícula Vallontano.
Bem aconchegante, mas tem as viniculas grandes, como a Miolo.





No caminho de volta passamos na cidade de Carlos Barbosa, onde fica a fábrica da Tramontina e fizemos algumas comprinhas

Voltamos para Gramado, e fomos jantar no badalado restaurante italiano Pastasciutta.
No segundo dia, amanheceu bem friozinho e chovendo, então os passeios foram dentro de lugares cobertos.
Começamos fazendo uma visita a uma fábrica de chocolate, tem guia que explica tudo e ainda podemos experimentar as delicias do lugar. Fomos também no Reino do Chocolate
 
Conhecemos o Museu Automóvel Hollywood Dreams Cars, meu filho ama carros, então não podia faltar carros no nosso passeio


Rua Coberta e Largo do Borges, que são lugares tão aconchegantes, cheio de lojas e restaurantes


Mas como não parou de chover nem um pouquinho, resolvemos almoçar na pousada mesmo.




Porque à tarde...
Fomos experimentar o café colonial.
Isso é um café bem reforçado, surgiu no passado com os colonos que precisavam se alimentar bem no café da manhã antes de pegar no batente. Isso é mesmo uma refeição, são 80 tipos de iguarias. Nem preciso dizer que foi delicioso.
No terceiro dia a chuva continuou...
Então fomos conhecer o outro Pórtico de Gramado. Existem dois pórticos, um para quem vem de Nova Petrópoles e este, que fica do outro lado da cidade. 



Logo depois do Pórtico fica a fábrica de cristais de Gramado.

Alice ficou apaixonada pela moça de máscara da fábrica.
Depois de almoçar no centro de Gramado, fomos passear pelas lojinhas .
À noite as crianças ficaram com os avós e nós dois fomos comemorar nossos 25 anos de namoro com um founde maravilhoso. 



Agora, faltando dois dias para terminar nosso passeio, fomos para Canela que fica ao lado de Gramado, somente 7 Km.



A chuva parou, mas o frio estava de matar. Então continuamos com os passeios cobertos
Em Canela fica o Mundo a Vapor, um museu interativo que explica como a vida funcionava no tempo do vapor.
Enfrentamos o frio e fomos para o Parque do Caracol, onde a maior atração é o mirante com vista para a Cascata do Caracol. Foi um dos passeios que meus pais fizeram na lua-de-mel.


Um pouco de aventura no Alpen Park, tem diversão para toda a família


e para fechar com chave de ouro, almoçamos em um restaurante rural. Fica bem perto do Pórtico, mas é no meio de uma fazenda.
 A comida é divina, acompanhada de música boa (Alice até dançou) e muitos animais de fazenda para as crianças brincarem


Para o café da tarde, comemos um delicioso apfelstrudel (torta de maçã) acompanhado de nata. Acho que foi o melhor que comi até hoje. Mas só pode degustar esta delícia quem for visitar o Castelinho, uma casa que foi transformada em museu e tem uma casa de chá.
É encantador, uma volta ao passado.


Para terminar, entramos no Grande Hotel Canela, onde meus pais passaram a lua-de-mel.
Foi onde minha família começou!!!
 

Foi tudo lindo, com frio que amo, cercada de todos que amo.

Até a próxima.






sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Felicidade também começa com "V"

VIAJAR!!!
Tem coisa melhor?
Eu e minha família trocamos qualquer coisa para viajar, nem que seja na maionese...

Então eu e meu maridon fizemos 25 anos de namoro no dia 1 de Julho e decidimos fazer uma viagem para Gramado e Canela e aproveitamos para levar os meus pais comigo.

Eles passaram a lua de mel em Canela e isso faz apenas 43 anos.

Então foi assim...

Tomamos o avião em Congonhas.
A viagem de São Paulo até Porto Alegre é bem curta, somente 1:30h
Demora mais esperar o avião, alugar o carro e chegar em Gramado.




Usei bastante as dicas da internet, mas o guia da Alexandra Aranovich foi essencial.

Livros Guia Essencial Gramado e Canela - Descubra os Encantos da Serra Gaúcha - Alexandra Aranovich (8563144243)


Depois escrevo mais detalhes e mais dicas.
Até!





terça-feira, 29 de julho de 2014

Espelhos provençais

Gostei desta moda...

São mini, misturados com os maiores... Uma gracinha.

São espelhos, mas tem gente que aproveita a moldura e coloca fotos. Fica lido também.





Lindos e inspiradores!

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Antes e Depois - Cozinha

Antes




Esta era a cozinha que vi e me apaixone. Dá pra acreditar?
Eu vi um potencial enorme pelo espaço que ela tem e dá pra pensar em fazer uma copa... 
Tive a idéia, mas muuuita gente entrou na dança. Marido, sogro, cunhados, pedreiro e pai.

E veja como ficou...

 
O hubby colocou os azulejos e montou as prateleiras (leia-se portas de um guarda roupa velho) que eu forrei com papel colante.



Atenção para o lustre, reciclado.
Comprei este num ferro velho. Modelo dos anos 70, vinha com cristais cobrindo as lampadas, mas esta parte pula (o marido quebrou um e retirei todos, pena)

Pintei e ficou super legal, mesmo sem os vidros.


E agora que eu fiz amizade com o papel colante veja a lousa que fiz.






É fácil de aplicar e se escreve com giz de lousa. Eu apago com pano úmido pra ficar mais bonito.

Quase tudo reaproveitado e transformado.

E você, também recicla?
Me conta...
 bexos
Ale